08 agosto 2006

Homenagem aos pescadores de bacalhau

“Iça a “boca”, aguenta o “pique”” a manobra de içar o traquete no Creoula
O Museu Marítimo de Ílhavo faz hoje anos e inaugura às 18h uma exposição sobre os homens que iam até à Terra Nova e Gronelândia pescar bacalhau. A exposição tem por base a digitalização de fotografias e fichas de inscrição marítima de cerca de 20 mil tripulantes de navios bacalhoeiros que, entre 1935 e 1974, andaram na pesca do bacalhau. Para além das mais de mil fotografias expostas, todos as fichas fazem agora parte da base de dados “Pescadores de Bacalhau” acessível na exposição através de computador.
A exposição estará aberta ao público das 10h às 24h, com entrada gratuita, e ainda inclui a exposição permanente Faina Maior/Capitão Francisco Marques e a apresentação do CD Frota Bacalhoeira Portuguesa, 1835-2006, e do DVD de animação A Saga dos Astrolábios.
No auditório do museu serão exibidos filmes alusivos ao mar. Recomendo, no dia 30, a Vertigem Azul do Luc Besson; não tem nada a ver com a pesca do bacalhau mas, tal como o nome indica, é uma fantástica demonstração do que pode ser a atracção pelo mar.
Sobre o museu e a exposição: http://www.museumaritimo.cm-ilhavo.pt/
Sobre a pesca do bacalhau vejam esta lista bibliográfica http://www.marinha.pt/extra/creoula/bibliografia.html

2 comentários:

Sailor Girl disse...

AIIIIIIIIIIIIIIIIII QUE NÃO AGUEEEEEEEEEEENTO! AI QUE SAUDADES!!!! By the way: faz hoje ou fez ontem um ano andávamos nós às voltas ao Pico!! (por mar, no Creoula) e faz amanhã um ano andávamos nós às voltas ao Pico (no avião). LOL

garina do mar disse...

andávamos pois... fez ontem um ano... e fizemos um maravilhoso bolo de chocolate!