18 junho 2007

Alcatruzes

10 comentários:

Laurus nobilis disse...

Apesar de tudo, ainda se vão vendo por esta costa fora... mais do que as redes!

garina do mar disse...

estes estão com "cara" de que estiveram muito tempo debaixo de água!!

nautilus disse...

E fora também. Se é que (estes) ainda existem :)
É que esta fotografia tem quase 20 anos: lembrei-me dela ao ver as redes que a Miúda fotografou.

BLUE MOON I disse...

Servem para o polvo, não é??
Por falar em polvo: Já há alguma explicação ( plausivel) para o acrescimo de produção do bicho???

nautilus disse...

Exactamente. Usam-nos no ALgarve para pescar polvo. Estes são em Lagos mas na zona de Tavira, sobretudo em Santa Luzia praticam muito este tipo de pesca.

O que consta é que o acréscimo de população tem que ver com o aquecimento da água. Também já começam a ser vulgares por aqui outras espécies que não existiam há uns anos atrás. Como os peixes trombeta que a Miúda mostrou em tempos.

Laurus nobilis disse...

Pois! Enquanto aparecem umas, vão desaparecendo outras...

garina do mar disse...

e eu que não gosto de polvo fico a perder ;(

A VER NAVIOS disse...

Pois, estes alcatruzes, aqui na minha terra chamam-se cantaros.
Há muito boa gente que os mergulha nas águas da ria por muitos meses, presos com um cabito e amarrados a um trapiche para que fiquem com este aspecto.
Sabem porquê? Para quando estiverem assim, servirem para decoração dos jardins de suas casas.
Afinal não são só armadilhas para caçar polvos.

Laurus nobilis disse...

Como noutras situações, a arte aguça o engenho!

nautilus disse...

No Algarve fazem o mesmo. Enchem-nos de areia e usam-nos como cinzeiros ou jarras. Provavelmente foi o destino destes.