13 dezembro 2006

Oportunidades
  • O potencial turístico de elevada qualidade associado à Baía de Setúbal, a Tróia e ao Alentejo Litoral
  • Potenciais novos projectos de I&D ligados ao sector automóvel, à electrónica e à fileira metálica
  • Emergência de uma actividade de prestação de serviços de elevado valor acrescentado
  • (nas fotos, de cima para baixo: o santuário do cabo Espichel e o porto de Sines)

    4 comentários:

    Laurus nobilis disse...

    Vamos lá ver o que é que estes projectos todos que se falam para Sines vão originar... espero que se tenha em atenção que aquela costa, especialmente a Sul, É PARA PRESERVAR!!!

    Laurus nobilis disse...

    Este é o Santuário de Nossa Senhora da Pedra Mua, também conhecido por Santuário de Nossa Senhora do Cabo.

    Por volta de 1410, foi construída uma ermida destinada aos mareantes, para que guardassem uma imagem da Virgem, venerada há muito em cima do rochedo denominado Pedra de Mua.

    Mais tarde, por volta de 1715, construiram-se as hospedarias para abrigar os peregrinos, conhecidas pelas casas dos círios - grandes grupos de peregrinos.

    A igreja propriamente dita data do séc. XVII e, curiosamente, está de costas voltadas para o mar.

    nautilus disse...

    A costa a norte de Sines é rede natura, e a a sul Parque Natural. Assim sejam estes regimes de protecção eficazes. Até agora têm-no sido relativamente, esperemos que assim continuem.

    garina do mar disse...

    tenho uma foto LINDA da ermida... está um bocado abandonada! amanhã ponho