18 abril 2007

Ainda Juromenha

O rio Guadiana antes da construção da barragem de Alqueva
e um aspecto da muralha do castelo

4 comentários:

Laurus nobilis disse...

Os rios sem grande intervenção humana são normalmente lindos. Claro que precisamos de construir empreendimentos e aproveitar o melhor possível aquilo que eles nos podem dar. No entanto, no caso de Alqueva, cada vez mais tenho a certeza que foi realmente um disparate a construção de uma barragem daquele calibre...

nautilus disse...

É verdade que para já ainda não se percebeu muito bem para que serve. Podia ser bem aproveitado para fins turísticos, afinal a albufeira de Alqueva tem mais quilómetros de "costa" que Portugal (continental), mas?

A VER NAVIOS disse...

Não sei o que dizer.
As próximas férias serão para essas bandas, para comparar estas fotos e ver como está hoje.
Obrigado a ambos pelas belíssimas imagens.
Lá irei logo que possa.

morgane the fairy disse...

Teria os seus encantos, mas prefiro o Grande Lago!