16 dezembro 2006

20 comentários:

nautilus disse...

Como fundador 000 do Milhas Náuticas, e em nome também do Laurus Nobilis, fundador 00, e da Garina do Mar, fundadora 0, desejamos Boas Festas a todos os nossos visitantes.

Laurus nobilis disse...

Apoiado!

garina do mar disse...

claro! FELIZ NATAL!

cardo azul disse...

Boas Festas também para o milhas Náuticas.
Hei-de vir cá comentar umas coisas de Setúbal mas os preparativos do Natal não me estão a deixar muito tempo.

restaurador disse...

Um Natal cheio do espírito do Menino e um 2007 espectacular!

Afonso Henriques disse...

Um Feliz Natal para o Milhas Náuticas. E para os grande Portugueses que o visitam!

Sara disse...

Boas Festas, um Natal muito feliz e tudo de bom em 2007 para todos quantos por aqui navegam!

Laurus nobilis disse...

Alguém sabe do s.o.s.? Estou com saudades dos comentários... Boas Festas para si, s.o.s.!

Chico Zé disse...

Um Santo Natal para a menina Garina e para os senhores Nobilis e Nautilus.
A minha Maria e o Francisquinho também mandam muitos votos de Boas Festas para todos.

viriato disse...

Boas festas para toda a nossa Lusitânia!

Túrio disse...

Que Nabia proteja todos os Calaicos nesta época de festejos. E que não se apaguem as fogueiras no Rochedo Sagrado.

conjurado disse...

Ainda não me esqueci, ó chico zé... lá para o Verão apareço! boas festas para ti e para os teus, assim como para o Milhas Náuticas e seus autores.

morgane the fairy disse...

Mais uma vez uma imagem mágica, de água que corre descobrindo um caminho entre pedras e árvores.

Nedeleg laouen na bloavezh mat

ventos do largo disse...

Pois eu cá espero que se divirtam todos muito, com muitos espíritos do Menino e etc., mas não consigo perceber quem é que inventou que o Natal era uns jantares e almoços uns atrás dos outros, a comer perú e bacalhau e uns bolos cheios de açúcar ou de frutos cristalizados e comprar prendas por atacado numas lojas cheias de gente.
Acho que vou voltar para os meus oceanos e só regresso quando a confusão acabar.

Obélix disse...

É verdade, tanta euforia com as boas festas e não querem saber de mais nada.
Nem uns javalis! E um bocadinho de poção mágica também ajudava. Sinto-me tão fraquinho Panoramix.

garina do mar disse...

como eu vos compreendo...

Sailor Girl disse...

Feliz Natal!...

velho do Restelo disse...

O Natal é mesmo uma farsa. As palavras Feliz Natal não são uma fórmula mágica. Na maior parte das vezes não significam mesmo nada. Dizem-nas porque é hábito, porque fica bem, mas o que é que está por trás disso? Nada ou quase nada (menos para as companhias de telefones móveis que é a quem de facto estão a oferecer um Feliz Natal).
O que interessa desejar Feliz Natal a pessoas com quem não se falou durante um ano inteiro?
O que interessa desejar Feliz Natal a desconhecidos (às vezes até em duplicado) quando se esquece uma palavra amiga para os que estão próximos e que muitas vezes nem felizes estão?
Vivam a vida senhores. A vida não é o Natal. É o que construimos (ou destruimos) no dia a dia.

LUIS MIGUEL CORREIA disse...

Senhor Velho do Restelo,
Muito curioso este seu comentário: Permita-me comentar o comentário, mesmo sendo um desconhecido.
Tal como a vida, o Natal pode ser uma farsa, dependendo da posição de cada qual sobre essas coisas todas. Como para muita gente é sinónimo de um monte de coisas boas: a vida, a sua renovação, uma visão óptimista do mundo a acerca da própria espécie humana, a tal super-predadora, ou uma inocente oportunidade para se estar com as pessoas de quem mais gostamos. E pode ser Natal em qualquer dia, depende da atitude de cada um sobre a vida e os sentidos à sua volta. Desejar Feliz Natal a desconhecidos não tem nada de errado. Denota abertura de espírito. E não é incompatível com a palavra amiga que bem sugere para os que estão mais próximos. Se estarão ou não felizes, será antes de mais problema deles. E o que é essa coisa da "felicidade"? Gosto particularmente de gente com índices elevados de "felicidade". E este estado de espirito, tal como a boa disposição, são contagiosos, e mudam o cinzento exterior para azul. E até pode ser tudo de borla. Preferencialmente.
Felicidades para si, de um desconhecido...

Luís Miguel C

garina do mar disse...

uff... oh Luis Miguel C. fiquei cansada... vocês dizem todos coisas muito complicadas... acabam por ter todos razão e dar todos razão uns aos outros...
mas prefiro essa do Natal ser todos os dias!!