18 maio 2007

voltando ao "Rochedo Sagrado"

A zona, mais para o interior e mais elevada, de que a Garina do Mar fala.

5 comentários:

lusitano disse...

Efectivamente o Rochedo Sagrado começava aqui e descia até ao mar. Era tão sagrado, que a nova religião que entretanto chegou, lhe pôs uma cruz para demonstrar isso mesmo!

Laurus nobilis disse...

Sim, o "Rochedo Sagrado" acaba por ser um símbolo verdadeiramente ecuménico, embora agora dedicado sobretudo a Santo André, tal como a Garina já explicou quando andou pela costa Norte.

garina do mar disse...

ecuménico!! muito gostas tu de palavras caras!!!
o rochedo agora é importantíssimo! é aqui que Santo André resgata as almas dos náufragos...

nautilus disse...

O "rochedo" coitado está agora emparedado pela estalagem de Santo André. Um bocadinho de erosão costeira daria jeito por aqui, sempre fazia uma "limpeza".
Mas estes "leixões" que mostras nas fotografias mais abaixo "protegem" a estalagem, não é Miúda?

Mas é no rochedo que tem a cruz que estão as "covas" onde se acendiam as fogueiras e se fariam os sacrifícios ao Mar.

garina do mar disse...

eu bem dizia que era em cima!
e é verdade que a "ponta de Santo André é que está a "aguentar" a Aguçadoura, senão já tinha ido tudo por água abaixo...