26 abril 2007

No Pulo do Lobo

A altura da estação hidrométrica (no lado direito da foto abaixo) demonstra a que níveis pode chegar a água nesta zona

9 comentários:

Laurus nobilis disse...

Este sítio era lindíssimo! Neste momento, já deve estar debaixo de água...

nautilus disse...

Debaixo de água? Só nas cheias.

Laurus nobilis disse...

Estava convencido que tinha ficado submerso com a barragem...

nautilus disse...

O Pulo do Lobo é bastante a jusante (das duas barragens). É já a jusante da estrada entre Beja e Serpa, a caminho de Mértola.

Laurus nobilis disse...

Tens razão... fiz confusão quanto à localização!

garina do mar disse...

passaste de um lado para o outro como o lobo? parece que é costume tentar!!

BLUE MOON I disse...

Há em Mertola, numa praça em que de carro só de manhã (melhor, antes do almoço) uma placa que identifica o nivel de uma cheia em mil oitocentos e mais não sei. Agora o incrivel, é que o rio vê-se na garganta, lá ao fundo, a uma profundidade que envergonha estes marégrafo(?) de agua doce....
Curiosidade

nautilus disse...

O marégrafo de água doce só serve para medir os caudais ainda (mais ou menos) controlados. Os caudais de cheia já não são medidos mas sim calculados com base na pluviosidade na bacia hidrográfica, tempos de concentração, etc.. É por isso bem possível que a água atinja níveis superiores ao da estação hidrométrica.

Qual é a praça de Mértola em que de carro só de manhã? E já agora, porquê?

RMDVENTURA disse...

É no Largo da Camara Municipal de Mértola que está essa placa. Quanto ao resto, não faço ideia. Estou farto de lá passar a qualquer hora do dia...