20 abril 2007

A caminho de Monsaraz

11 comentários:

a voz do vento disse...

E ainda há quem não goste do Alentejo

LisbonGirl disse...

Paisagem linda e fotos à altura! Re-Parabéns!:)
A última foto é particularmente encantadora!

Laurus nobilis disse...

A última é verdadeiramente Alentejana!!

morgane the fairy disse...

O Grande Lago! E uma envolvente maravilhosa. Terei mesmo que passar por lá

nautilus disse...

Tal como prometido em tempos idos, cara Morgane.
E tal como prometido, um dia destes chegaremos a Mértola.

A VER NAVIOS disse...

Levantar cedo e cedo erguer, dá saúde e faz crescer.
Nada mais certo para estas fotografias.
Pela manhã regalar os olhos neste lindíssimo campo de flores azuis. Perto da hora de almoço um passeio de barcoleta, com a máquina no mínimo a vante,à vela dá muito trabalho porque é sábado, por estas águas calmas e tranquilas. Apreciar a paisagem e abrir o apetite.
Um Reparo: Falta a fotografia da mesa do repasto.
Depois uma grande sorna bem batida debaixo do chaparro.
Que dia, meu Deus!!!
Como vai a minha cabeça depois de um dia de "computers", com 26 graus de temperatura e fechado numa sala a pensar na minha barcoleta e a imaginar um almoço em S. Jacinto ou na Torreira.
Boas vindas para a Garina do Mar.
Tem de nos dizer onde foi descobrir aqueles aquários todos. Muitos hóteis de luxo visitou! Riiiiisos, com amizade.

morgane the fairy disse...

Permita-me discordar A Ver Navios: teria que ser à vela ou a remos, um lugar não deveria ser perturbado pelo barulho dos motores.

Laurus nobilis disse...

Caro "A Ver Navios", deve haver um equívoco... A Garina do Mar ainda não voltou e, neste momento, está em Pemba, no meio de outros aquários...

nautilus disse...

Tem razão A Ver Navios. Para a próxima levo uma manta e faço um piquenique.
Acho que desta vez o almoço foi mesmo uma sanduíche. E umas empadas no Alandroal porque a instabilidade do tempo, como se vê nas fotografias, não permitia mais nada.

Quanto ao passeio de barco, posso sugerir um com motor eléctrico? Assim não dá trabalho e não faz barulho.

A VER NAVIOS disse...

.... não é poluente. É amigo do ambiente. Caros amigos têm toda a razão, sobretudo pelas críticas constutivas que fazem, quando julgam ser oportunas.

garina do mar disse...

eu também quero ir ao piquenique!!! com uma toalha de quadrados!! e dar uma voltinha de barco...
também sabem bem umas incursões mais terrestres! e gosto bem do Alentejo, então assim florido é bem lindo...