31 janeiro 2007

Imbolc

Esta é a segunda festividade do ano celta. Está a ocorrer o nascimento e o período de lactação das ovelhas… está na hora de se lançar luz sobre a escuridão e festejarmos o Imbolc! Vamos celebrar o aparecimento dos primeiros estímulos da Primavera no interior da Mãe Terra. Embora ainda esteja frio, os pequenos e mais resistentes sinais de vida na Natureza começam novamente a aparecer ... é, sem dúvida, uma ocasião única de nos prepararmos para a vida quando, pela primeira vez no ano, uma centelha de luz penetra na escuridão do Inverno. A todos os que, pela noite dentro, sintam a renovação a voltar, um excelente Imbolc!

7 comentários:

garina do mar disse...

hoje até me parecia que vinha aí a Primavera... pensei logo que era influência do Imbolc, mas depois veio o frio outra vez!!

garina do mar disse...

que linda foto...

Laurus nobilis disse...

é o Rio Homem, no Gerês...

nautilus disse...

O rio Homem é francamente bonito, sobretudo neste troço que vai até às minas de Carris, cheio de "piscinas" e cascatas. Existe um percurso ao longo do rio que vale a pena fazer.

joao veiga disse...

Lá perto,em Salva Terra do Minho, já na Galiza, come-se a melhor lampreia do Universo, quiçá mesmo a melhor lampreia da Ibéria.
Todos os anos lá vou. Em peregrinação, como a Baiona ou a Sesimbra.
Salva Terra do Minho, a seguir à ponte de Monção,à direita.
Até já vos dei as coordenadas.
E a épocada lampreia está a começar e eu ainda não me estreei.
Como costumo dizer:
"Há duas coisas na vida/A que um Homem nunca foge/É o amor de uma Mulher/ E ainda não bebi nada hoje..."
Pois.
(os nocturnos do Frederico e o Glenfidich ajudaram)

garina do mar disse...

lampreia? com comida tão boa que há no Minho...

Laurus nobilis disse...

Gosto dessas tradições que vão fazendo parte da vida... e da Galiza também!