22 agosto 2010

As "piscinas" do rio Laboreiro

Saindo de Castro Laboreiro, deixando o castelo pelo ombro esquerdo, vai-se acompanhando o rio Laboreiro até alcançar as suas refrescantes "piscinas". Uma, "secreta", é o reino das libelinhas azuis. A outra, junto à Ponte Nova, é mais conhecida, mas nem por isso menos agradável para, com uns mergulhos gelados, enganar o calor abrasador que até por aqui, nestas serranias nortenhas, se faz sentir.

6 comentários:

garina do mar disse...

que lindo!!! bem precisava de um mergulho refrescante...

as libelinhas são um espanto!!

nautilus disse...

Eram lindas! Os arbustos à beira rio estavam cheios delas.

E os mergulhos eram bem mais que refrescantes: até doía meter a cabeça dentro de água :)

Laurus nobilis disse...

Parecem irresistíveis! Mas também com ar de que até os ossos devem doer...

nautilus disse...

Não mergulhando a cabeça aguentava-se bem. Digamos que eram bastante revigorantes :)

Dylan disse...

Eh pá, ainda não vi nenhuma dessas libelinhas por esses lados. Tenho que lá ir novamente...

garina do mar disse...

ouvi dizer que as libelinhas não se mostram a qualquer um...