08 agosto 2007

No Creoula... em Génova: os amarelos

Mesmo em terra (ou seja, encostados ao cais) não deixam de se fazer "limpezas".
A mim calharam-me os amarelos! mas a bitácula da agulha magnética, o meu "amarelo" preferido, já estava a ser tratada... (ficou para o último dia, já em Barcelona!)
Assim tive que me "contentar" com a roda de leme, o antigo sino dos quartos e o axiómetro!!
E ainda me sobrou tempo para dar uma esfregadela nas letras do painel da popa...

12 comentários:

Eugénio disse...

Para o ano, leva-me contigo para o Creoula. Se fico mais uma vez à espera do Veiga, bem posso esperar mais uns 50 anos.

garina do mar disse...

eu levava-te! e até podias ter ido antes para a regata...
tu é que não quiseste ir!!!

e tinha dado jeito que havia falta de braços, por isso até os de umas pessoas assim mais velhas como tu serviam!!! ;)

joao veiga disse...

Sabes o que o Veiga te diz? Sabes o que o Veiga te diz????
Ok, eu digo:
Primus:
Acabas o curso de fotografia que iniciaste e de que ainda te faltam 3 cadeiras (eu sei que já não tens a cabeça de outros tempos, mas tens de acabar o curso de fotografia da CEE que começaste há 32 anos e 5 meses)
Deccio:
Aprendes a distinguir o Mercado do Bolhão do Cabo Fisterre, é fundamental;
Tercius:
Inicias, sem falta, o curso co-financiado de "Refugados e Fritos Vários", sem o qual nunca poderás embarcar no Veronique;
Quartius e ultimus:
Aprendes, definitivamente, a distinguir bombordo de estibordo, cabos de cordas e ovéns de buzinas.

garina do mar disse...

oh Eugénio!! se não aprendes a distinguir ovéns de buzinas não te posso levar no Creoula... tens que aprender depressa!! o resto acho que não é preciso, nem sequer o BB de EB que já ouvi um senhor Imediato a enganar-se! e na parte da culinária basta saber lavar a loiça, mas isso deve ser um curso rápido de tirar...

LisbonGirl disse...

Ui!...Ai...os meus dedinhos!:))

Mas os amarelos ficaram um mimo! E a foto também, com uma nesguita de cidade em fundo, ao lado da roda do leme!:))

Paulo Sempre disse...

"já vejo terras de Espanha areias de Portugal" (Camões).

Um blogue interessante.
Abraço
Paulo

A VER NAVIOS disse...

Esfregar os amarelos das letras no painel da popa?
Isso é de marinheiro, sim senhor!
Pendurada num bailéu?

garina do mar disse...

obrigada pela visita Paulo!
mas, já agora, o verso que citou é da Nau Catrineta e por isso do "cancioneiro popular" e não de Camões

garina do mar disse...

e para as letras do painel da popa não é preciso bailéu... infelizmente!!
chega-se lá bem com a escova e depois com o paninho do Coraçao!!

Swt disse...

Por falar em amarelos... Conheci, uma vez, um armador que me confidenciou que, cada vez que percebia que alguma rapariga gostava dele. o único proveito que daí tirava era conseguir que ela limpasse os amarelos do seu veleiro! Tarefa que ele achava muito aborrecida
E esta heim?

garina do mar disse...

oh swt, esse armador era um bocado estranho...
no Creoula o que tem graça não é bem o limpar os amarelos, é limpar alguns amarelos!
das malaguetas e dos corrimãos e mais as fechaduras e dobradiças safei-me sempre, agora pôr aquela bitácula lindíssima a brilhar vale a pena...

JCP disse...

Quel périple!

Merci de votre visite à bord de l'autre, le grand frère du Creoula.

Viva a Marinha !