30 março 2007

Cidade da Beira

Fotografias retiradas do Almanaque Bertrand de 1959, especialmente dedicadas à Garina do Mar!

5 comentários:

garina do mar disse...

tão lindo!!!! a minha terra.... oohh fiquei comovida..
OBRIGADA laurus!!

nautilus disse...

Mais uma vez uma preciosidade. Já viste Miúda a sorte?

garina do mar disse...

é tão linda a minha terra..
já sei que me estou a repetir mas é muito linda!!!! e desta vez não vou conseguir ir lá...

A VER NAVIOS disse...

Tenho muita pena de não conhecer Moçambique.
Conheço todas as nossas ex - províncias ultramarinas, excepto Moçambique e Timor. Visitei 7 portos na Indonésia, no tempo em que esta estava de relações diplomáticas cortadas com Portugal. Passei o estreito de Sonda (Sund) vindo de Singapura para carregar 150 contentores de 20 pés ( carga homogénea, todos os contentores com 22 tons.) em Panjang para Luanda.
Nunca tinha visto na minha vida, logo à saída do estreito, duas ilhas, cada uma com o seu vulcão em erupção continua. Os estrondos e a lava incandescente a subir e a cair. Maravilhoso! Pena tenho não ter fotografias.
Em viagem de Panjang para Luanda pôs-se a hipótese de ir à Beira carregar 2000 toneladas de semente de trigo para Angola. Ironia do destino!. Cheguei a traçar rumo para a Beira. Fiquei feliz porque ia conhecer Moçambique e a Beira.
Depois de navegar 2 ou 3 dias para a Beira recebi ordens para seguir novamente para Luanda.
Fiquei triste, era uma possibilidade de conhecer essa terra maravilhosa.
Sei de certeza segura que o povo moçambicano é muito bom, que nos admira e tem muitas saudades nossas.
Gostei muito das fotografias aqui colocadas.

garina do mar disse...

é pena não ter chegado a ir à Beira... não será o sítio mais bonito de Moçambique mas é um sítio lindo..
esteve bastante degradada, deve ter sido a cidade moçambicana que mais sofreu com a guerra porque o abastecimento de água e a electricidade dependiam do "corredor da Beira" para o Zimbabwe que estava sempre a ser bombardeado.. mas estive lá em 2004 e já estava bastante melhor que em 2001
teve a vantagem de quando lá voltei, ao fim de 30 anos, ter dado com os "sítios" todos, já que estavam quase iguais..
mas todo o Moçambique é lindo!!