07 abril 2008

Colecção Capitão A. Marques da Silva


Inaugurada no passado dia 5 de Abril e patente até ao próximo dia 26, no Museu Marítimo de Ílhavo, esta exposição apresenta desenhos e modelos de embarcações (Creoula, Gazela I, Hortense, barco Ílhavo, ...), artesanato pedagógico, instrumentos de apoio à navegação (a agulha padrão do Creoula, punho de boca de uma vela do Hortense, ...), acessórios de navio e ferramenta de marinheiro elaborados e/ou coleccionados pelo Capitão Marques da Silva.

(aqui um pormenor do convés do "caíque do Algarve")
No completíssimo catálogo da exposição, coordenado pela
Drª Ana Maria Lopes, são apresentadas e (sobretudo) explicadas todas as peças da exposição. Como alguém disse:
"Trazer o catálogo é levar a exposição para casa".

8 comentários:

Laurus nobilis disse...

Esta colecção deve ser um "verdadeiro mundo"! Bela iniciativa, para que a história não seja esquecida ou apagada.

garina do mar disse...

até eu que já tinha visto por casa do Capitão Marques da Silva algumas das peças (completas e em "construção") fiquei admirada!!
não imaginava que fosse tanta coisa...

garina do mar disse...

e já agora... é muito mais do que uma "iniciativa"! é uma obra notável que foi doada ao museu e que integrará depois as exposições permanentes...
as últimas palavras do Capitão Marques da Silva no discurso de inauguração foram dirigidas aos "meus (dele) barcos", aqueles que ele fez com tanto empenho e que agora ali ficam para todos admirarmos!

almagrande disse...

Obrigado pelo aviso,lá irei.

jc disse...

Eu também vou lá passar.Obrigado!

nautilus disse...

Já está agendado. Com uma visita ao Museu.

Marieke disse...

É um orgulho ver uma das minhas duas terras acolher mais uma iniciativa cultural de tão alto nível...A Ana Maria minha querida professora de francês e minha amiga é uma das figuras mais notáveis da nossa terra...espero ansiosa a homenagem ao Capitão Francisco Marques com quem ela tanto trabalhou para tornar o Museu naquilo que ele hoje representa na História Marinheira de Portugal.

Ana Maria Lopes disse...

Este Catálogo deu-me muito trabalho, mas participei nele com muito gosto.
Perante tal generosidade, todo o empenhamento é merecido.